Joguem como pequenos

O Figueirense, pequeno, já venceu o Corinthians em Itaquera. O Linense, minúsculo, venceu há poucos dias o Palmeiras no Allianz. E ontem, o The Strongest, pequenino, venceu na estreia da Libertadores. Times pequenos, sem tradição, mas que já fizeram muito mais do que este time do São Paulo tem feito de um tempo pra cá.

Nós, torcedores, estamos perdendo a cabeça com tamanha discrepância entre o que temos visto com o que sempre fomos acostumados a ver. Por isso desejo que a partir de hoje, vocês, jogadores, passem a adotar a mesma postura dos times pequenos quando enfrentam seus adversários. Isso mesmo, vocês que após mais uma vexatória e humilhante derrota certamente estarão mais ricos ao final do mês e hoje provavelmente devem estar descansando suas pernas que pouco correram no jogo de ontem nas piscinas de água quente do nosso belíssimo e estruturado C.T. Acredito que assim como eu, muitos torcedores desejam que vocês passem realmente a jogar como times pequenos. Assim como jogou a Penapolense quando nos eliminou em pleno Morumbi, igual ao Bragantino que realizou o mesmo feito pela Copa do Brasil ou igual à Ponte Preta que também nos eliminou pela Sulamericana. Lembram?

Claro que não, afinal vocês são “profissionais” que jogam todas as quartas e domingos, e vencer para vocês é apenas um detalhe de um jogo onde tudo pode acontecer. Certo? Claro que sim, afinal quando nosso time perde vocês trocam camisas com os mesmos adversários que os ridicularizaram como se estivessem acabado de sair de uma pelada numa churrascada, enquanto nós, torcedores, temos que pensar duas vezes em vestir a camisa que tanto amamos no dia seguinte devido á vergonha das gozações que teremos que enfrentar de amigos, parentes e colegas de trabalho.

Por favor, reconheçam a inferioridade de vocês como time e façam apenas o simples sobre o que a cartilha do futebol pede. Passem a jogar por apenas uma bola. Sério, isso não causará vergonha alguma á vocês, pelo contrário, vai fazer com que muitos “especialistas” elogiem e afirmem que tal postura trata-se de um esquema tático moderno que valoriza a marcação. Parem de se iludirem (e de nos iludir) dizendo que temos um “grande time”, pois vocês nada mais são do que jogadores ruins para medianos que estão apequenando parte da história de um TIME GIGANTE.

Tenham consciência de que todos vocês que hoje são responsáveis pelo SPFC (jogadores, comissão técnica e dirigentes) já atuam como profissionais de times pequenos, seja pela limitação técnica ou pelo amadorismo como desempenham suas funções, porém á de se reconhecer que falta á todos vocês uma das principais características que a maioria dos times deste escalão “pequeno” têm: Brio, emoção e atitude! Brio por não aceitar sua inferioridade, emoção pelo amor que entregam á um clube que não tem as mesmas condições que os grandes e atitude por sempre lutarem para tentar reverter à situação, comumente ruim, que enfrentam.

Ou seja, time pequeno não se acomoda como vocês e nem tão pouco esconde seus erros através da soberba como há muito tempo vem sendo feito pelos lados do Morumbi.

Denis (chama gol), R. Caio (criado á leite com pera), Lucão (bug do milênio), Carlinhos (perna curta), Hudson (cego em tiroteio), Wesley (inofensivo), Bastos (toquinho de efeito), Ganso (eterna hibernação), Centurión (Banco do meu time de várzea), Kardec (cara de choro) e Bruno (freio na cueca). Não tem jeito, nossa camisa pesa sobre vocês, pesa demais! Ataíde (sem palavra), Leco (frouxo) e Gustavo (incompetente) nosso escudo também pesa demais sobre as mãos (e até consciência) de vocês. Gostaria muito que depois de ontem, vocês pudessem ter apenas vergonha na cara e respeito ao nosso manto com o máximo de entrega e comprometimento possível, mas se nem a tragédia em Itaquera foi capaz de fazer isso o quê seria?

Talvez vocês estejam esperando o pior… Uma Série B quem sabe. Assim, talvez aprendam não apenas á agir como time pequeno, mas principalmente á se reorganizar como um TIME DE VERDADE!

Patéticos…

Imagem: noticiasdosaopaulo.com.br

Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe sua Opinião