Cadê a MA-TU-RI-DA-DE?!?!

Com dois expulsos, Corinthians cai diante do Cerro no Paraguai, perde a liderança e me deixa puto da vida!!!

Deixei passar algumas horas para poder escrever esse texto, porém ainda estou muito bravo com a atuação de ontem.

Vocês podem pensar que: “poderíamos ter matado o jogo no primeiro tempo”, mas vale lembrar que o Cerro também perdeu grandes oportunidades, Cássio fez uma defesa milagrosa cara a cara com aquele malinha do camisa 10, o meia Diaz, sendo assim, poderíamos fazer 3 e ter tomado 3.

A parte defensiva ontem, mais uma vez, foi ridícula.

Bruno Henrique não está jogando como jogou em outros tempos, não que ele seja um exímio volante, mas não comprometia.

Rodriguinho é um fanfarrão, tem uma vontade que é de assustar! Não marca, não arma e dorme em campo! Vive de acertar passes laterais. De dez partidas ele deve jogar bem uma, e mesmo assim é titular. O que aconteceu com o Maycon? Não era a grande promessa? Se vier falar que ele é novo para jogo de Libertadores é brincadeira! Me diz aí, quem ontem teve maturidade?

A expulsão de Rodriguinho foi muito infantil, ele já havia tomado um amarelo por reclamação…RECLAMAÇÃO!!!! Depois veio dizer que foi para tirar o foco do Guilherme, que também poderia te sido mandando pro chuveiro antes, mas do que adiantou? Pois logo em seguida entrou de forma amadora, e recebeu o vermelho! Esperto pra cacete não?!

Quanto a expulsão do André, não acredito que ele merecia tomar o amarelo, e ele não foi desleal na falta do cartão vermelho, foi imprudente!

Pode ser que o juiz tenha errado em muitos lances, mas ele nos deu um pênalti que não existiu também!

Das atuações de ontem, vejo somente Fagner, Cássio e Giovanni Augusto querendo alguma coisa.

O velho e irregular Felipe voltou? Ontem foi uma atuação para se apagar. Ele escorregando no terceiro gol, foi cena de comédia pastelão. Pareceu o Yago no domingo contra os sardinhas, e por falar nele….Yago e a avenida Uendel ontem foi de dar medo, não ganharam uma jogada sequer pelo lado esquerdo no segundo tempo, isso por que na primeira etapa os uruguaios só atacaram pela direita.

Volto a dizer, que Arana é melhor marcador que o Uendel e que Balbuena logo mais vai assumir a titularidade!

Outro ponto que fico indignado é o por que de poupar os jogadores? Olha aí o que deu…derrota do time misto e derrota do time titular!

Fracassos hoje, vão virar obrigação e cobranças amanhã!

E não me venha com um time misto no fim de semana. Por que aí vou começar a cobrar o Tite também!

Para finalizar…
Ontem assisti o jogo pela FoxSport. Como o Deva Pascovicci narra mal, vem falar de vitória heroica do Cerro. Não fez mais que a obrigação de ganhar de um time com dois jogadores a menos!!! Chegou um momento em que fui obrigado a deixar no “mute”, pois não aguentava mais a voz dele!

Aguardamos cenas dos próximos capítulos…Domingo enfrentamos o Botafogo em Ribeirão Preto!

Melhores Momentos

https://www.youtube.com/watch?v=n6RWw2Vhl0w

Ficha Técnica

CERRO PORTEÑO 3 X 2 CORINTHIANS

Local: estádio Defensores del Chaco, em Assunção (PAR)
Data: 9 de março de 2015, quarta-feira
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Diego Haro (PER)
Assistentes: Braulio Cornejo (PER) e Coty Carrera (PER)
Cartões amarelos: Rodrigo Rojas (Cerro Porteño); Lucca e Guilherme (Corinthians)
Cartões vermelhos: André e Rodriguinho (Corinthians)

Gols:
Cerro Porteño: Beltrán, aos três minutos do segundo tempo, Díaz, aos 20 minutos do segundo tempo, e Beltrán, aos 36 minutos do segundo tempo
Corinthians: André, aos 12 minutos do primeiro tempo, e Giovanni Augusto, aos 42 minutos do segundo tempo

CERRO PORTEÑO: Silva; Bonet, Mareco, Valdez e Alonso (Estigarribia); Rodrigo Rojas (Torales), Jorge Rojas, Oviedo e Díaz, Leal e Beltrán (Ortigoza)
Técnico: César Farías

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Felipe, Yago e Uendel; Bruno Henrique, Giovanni Augusto, Rodriguinho, Guilherme (Romero) e Lucca (Balbuena); André
Técnico: Tite

Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe sua Opinião