Corinthians atropela Danubio pela Libertadores

Corinthians vence Danúbio, segue firme e forte na liderança de seu grupo da Libertadores e está a um passo da classificação.

Na noite dessa quarta feira, o Corinthians, mais uma vez, entrou em campo e 35 mil loucos tiveram a chance e a sorte de ver uma exibição majestosa do time comandado pelo técnico Tite.

O time uruguaio, que veio somente para catimbar, provocar, xingar e ofender de forma racista, teve sua resposta na bola, com um futebol de muita movimentação, triangulação, dribles e velocidade.

Sheik mais uma vez endiabrado só não fez chover por que não conseguiu guardar o seu gol. É impressionante como o camisa 11 do Corinthians se apresenta de forma impecável em partidas grandes e importantes.

Jadson parece ter reencontrado seu futebol no comando do Adenor, participou de dois lances de gol, além de cobrar de forma perfeita a falta que abriu o marcador.

Guerrero, é um monstro!!! É matador!!! É artilheiro nato!!!
Torço para que haja logo a renovação, só não quero que o Corinthians vire refém e pague cifras astronômicas. Então é preciso manter os pés no chão e a cabeça no lugar.

E o resto do time?

Foi seguro, soube aproveitar as oportunidades, apesar que 4 foi pouco!!!

A zaga encaixou, Fágner está crescendo, Wendell está substituindo muito bem Fábio Santos, Ralf e Elias são hoje, na minha opinião, a melhor dupla de voltantes do Brasil.

Vou abrir um espaço especial para o Renato Augusto, que pode não aparecer tanto para a torcida…mas como joga bola esse cara!!!
Ele está presente em todo o campo, abre espaços, volta para marcar, deixa espaços para Elias avançar, deixa o Jadson jogar solto e sabe compor o meio muito bem.

E o Tite?

Depois de um ano sabático, de estudos, de aprendizado, voltou mesmo com uma revolução…fez o time se compactar tanto no ataque quanto na defesa, continua tomando poucos gols, porém está fazendo muito mais.

Nem parece o mesmo time comandado pelo Mano…lembrando que a única mudança é a volta de Sheik!!!

Mas ainda há muito o que caminhar, batemos no Danubio, um time desequilibrado, mas o que o Corinthians fez em campo é de se admirar.

Melhores Momentos

Ficha Técnica

Local: estádio de Itaquera, em São Paulo (SP)
Data: 1º de abril de 2015, quarta-feira
Horário: 22h (de Brasília)
Árbitro: Diego Haro (PER)
Assistentes: Cesar Escano (PER e Braulio Cornejo (PER)
Cartões amarelos: Emerson (Corinthians); Sosa, Cristian González, Torgnascioli e Gravi (Danubio)
Cartão vermelho: De Los Santos (Danubio)
Público: 38.928 espectadores (38.471 pagantes)
Renda: R$ 3.283.955,50
Gols: Jadson, aos 26 minutos do primeiro tempo, e Guerrero, aos 33 minutos do primeiro tempo e a 1 e 22 minutos do segundo tempo
CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Felipe (Edu Dracena), Gil e Uendel; Ralf; Jadson, Elias (Petros), Renato Augusto e Emerson (Vagner Love); Guerrero
Técnico: Tite
DANUBIO: Torgnascioli; Velázquez (Graví), Cristian González, De los Santos, Ricca e Sosa; Formiliano, Viana (Schirone) e Milesi (Ignacio González); Fornaroli e Castro
Técnico: Leonardo Ramos

Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe sua Opinião