Corinthians mantém Freguesia e vence São Paulo

Neste último domingo o Corinthians foi mais uma vez ao Morumbi enfrentar o São Paulo, e com gol do meia Danilo o Timão saiu vencedor, aumentando a crise em clássicos do time tricolor.

O time do Morumbi buscava sua redenção em clássicos e visava sair da fila contra seu arquirrival, já que não vence em seus domínios desde 2007, somando 13 partidas. Por outro lado o Corinthians queria manter sua hegemonia em clássicos e seguir firme e forte na liderança de seu grupo no Paulista.

O São Paulo entrou em campo com sua força máxima, sem a presença de Pato, que por motivo contratual só enfrenta o Corinthians com o pagamento de 5 milhões. Enquanto o Timão não contava com Renato Augusto, que havia sofrido uma entrada violenta na partida contra o San Lorenzo pela Libertadores e sem Fábio Santos, que segue se recuperando no DM.

A partida começou morna, com o SPFW tocando a bola e tentando achar espaços pela defesa do time de Parque São Jorge. Mesmo com grande posse de bola, o Coringão era mais perigoso e objetivo quando encaixava seus contra ataques.

Em um cruzamento perfeito de Guerreiro, mais uma vez ele, Danilo, que marcou pela sexta vez contra seu ex clube, abriu o placar com um belo chute de primeira com o pé direito.

Em roubadas de bola o Corinthians só não ampliou por uma defesa de Ceni em um arremate de Elias e depois por causa de um pé salvador do volante Souza numa finalização de Guerreiro.

Daí pra frente o São Paulo pareceu nervoso, e sofria cada vez mais com a marcação, entravam com força excessiva nas divididas, além de reclamar de todos os lances.

O único lance de perigo criado pelo SP veio em uma bola em que Elias vacilou e armou um contra-ataque, que acabou com uma bela defesa de Cássio e Felipe salvando o rebote quase em cima da linha.

No segundo tempo, o jogo seguiu na mesma toada, o Corinthians marcando forte e o tricolor tocando bola procurando espaços.

Aos 7 minutos, em um lance despretensioso o juiz, errôniamente, marcou pênalti, pois viu mão intencional do zagueiro Gil, que estava apenas se protegendo da bola e com o braço junto ao corpo, sendo assim o jogador acabou sendo expulso por tomar o segundo amarelo.

Rogério Ceni tomou posição para a cobrança………e mais uma vez deu Cássio!!!

Depois disso o Corinthians não tomou mais sustos, Tite postou bem seus homens em campo, não deu espaços ao seu adversário e ainda quase ampliou em um chute cruzado de Cristian.

Com gritos de olé, cerca de três mil Corinthianos que foram ao estádio calaram o pequeno público que foi ao Cícero Pompeu de Toledo.

No término da partida o volante Souza do São Paulo, criticou a postura de sua torcida, que pediu raça, e disse: “ninguém sabe o que se passa aqui dentro”, aumentando assim os rumores de crise. Até Luis Fabiano, que deu muitas entrevistas durante a semana, fugiu dos repórteres na zona mista.

A próxima partida do Corinthians acontecerá nessa quarta feira contra o São Bernardo em Itaquera. Tite já demonstrou que irá poupar alguns jogadores e entrará em campo com um time mesclado.

Melhores Momentos:

https://www.youtube.com/watch?v=yg56DzSJqls

Local: estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 8 de março de 2015, domingo
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Leandro Bizzio Marinho
Assistentes: Daniel Paulo Ziolli e Alex Ang Ribeiro
Público: 18.720 pessoas (total)
Renda: R$ 817.160,00
Cartões amarelos: Ganso, Reinaldo, Rafael Toloi e Centurión (São Paulo); Emerson e Edílson (Corinthians)
Cartão vermelho: Gil (Corinthians)
Gol: Danilo, aos 11 minutos do primeiro tempo
SÃO PAULO: Rogério Ceni; Bruno, Rafael Toloi, Edson Silva e Reinaldo (Alan Kardec); Denilson, Souza (Jonathan Cafu), Michel Bastos, Ganso e Centurión; Luis Fabiano
Técnico: Muricy Ramalho
CORINTHIANS: Cássio; Fagner (Edílson), Felipe, Gil e Uendel; Ralf e Elias; Jadson, Danilo (Edu Dracena) e Emerson (Cristian); Guerrero
Técnico: Tite

Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe sua Opinião