DOIS MINUTOS: Foi o tempo que o Arrascaeta demorou para nos mostrar que é muito bom de bola

Salve Nação Azul!
Ontem vimos o Cruzeiro voltando a ser Cruzeiro! Arrascaeta deixou a armação do time muito mais leve e fez brilhar a estrela de Damião.

Outra cara ao meio-campo

Giorgian De Arrascaeta: guardem nome e sobrenome.

Em breve poderemos falar dele como falamos bem do futebol de outros sul-americanos que brilharam com a camisa do Maior de Minas: Juan Pablo Sorín, Walter Damian Montillo (sim, saiu queimado, chamado de mercenário, mas representou bem demais nosso azul e branco), Claudio Maldonado Rivera, e vai por aí.

Com dois minutos de peleja ele recebeu em (alta!) velocidade, limpou o goleiro e arrematou pra gol, com o beque salvando a escanteio.

A meia-cancha do Cruzeiro ficou solta novamente. Ele não tem os dribles do Éverton Ribeiro, mas é muito mais rápido no conduzir da bola. Juro que me lembrou o Montillo.

É o Cruzeiro voltando a ser Cruzeiro!

Dividir responsabilidades

Mas ressalvo: ainda vamos precisar de mais um jogador de armação para dividir a responsabilidade com ele. Porque se marcarem o menino e colocarem um na sobra, o Cruzeiro voltará a ser o time dos chutões dos primeiros jogos.

Além, repito o que disse na última coluna: o garoto tem só 20 anos, primeira vez num país estrangeiro… não se pode jogar a carga toda de o time andar ou não em cima dele. Porque num dia em que ele não jogar bem ou estiver tão marcado assim, a corneta vai cantar!

Leandro Damião

Muitos o criticaram. Peço-lhes porém que leiam minha coluna de 19-01: vai voltar a ser o melhor avante do Brasil!

Sabe tabelar, sabe fazer o pivô. Se a bola chegar nele como ontem, é só correr pro abraço!

Ainda tem muito a crescer, e eu sigo apostando nele. Dois gols ontem, incomodou a zaga bugrina, abriu espaços, finalizou…

O placar de 3 a 1 sobre o Guarani (Damião, duas vezes, e o début do garoto Judivan) poderia ser mais dilatado não fossem as incontáveis falhas de finalização. Mas valeu pela melhora geral!

Marquinhos, Seymour e a ‘volância’

Dois nomes a citar do jogo de ontem:

Primeiro, Marquinhos. Pode ser útil enquanto jogador de esquema, fez até boa partida ontem, deu duas assistências a gol e ajudou a marcar na ala direita quando Mayke saiu. Mas daí a dizer que é craque, 10 e faixa, é muito pra minha cabeça. No máximo, um bom nome de banco.

Depois, Seymour: é bom marcador, mas entrou muito perdido contra o Guarani. Depois de sua entrada, o Cruzeiro perdeu o meio-campo. Farias (pasmem!) atuou bem melhor que ele.

Agora, na volância com Henrique e Willians vai ser difícil demais de se transpor. E Eurico de primeiro reserva, viu, professor!!!

Marcelo: estranho de novo

Como no jogo contra a Caldense, em que Marcelo aleijou o time ao tirar o lúcido Damião para colocar Riascos, ontem ele deu uma de Adilson Batista e pardalizou: quando Mayke se lesionou, a troca era simples: colocava o Alex na zaga, voltava o Fabiano à lateral e pronto,  sem improvisos.

Mas o professor resolveu colocar Eurico, volante, pra jogar de lateral. E ficou com dois improvisados na defesa. Então pra quê levou o Alex para o banco? Sorte que Eurico é muito bom, soube fechar a lateral e ainda deu passe para o primeiro gol.

Muitas contusões

Não acompanho tão de perto os outros times, mas me contem: em algum outro lugar há tanta lesão muscular como no Cruzeiro???

Num início de trabalho, três jogos oficiais no ano e nosso DM já tem por lesão muscular, o Alisson, Rodrigo Souza, Manoel, e agora Mayke e Willian Farias. Sei lá, entendo nada de fisiologia e medicina esportiva, mas acho no mínimo esquisito…

Mas, e o meia?

No enésimo capítulo da novela ‘Cruzeiro e o Meia’, Dr. Gilvan prometeu ontem que virá a tempo de ser inscrito na Libertadores.

O nome da vez é o do Wagner, aquele do vestiário, Libertadores, Gerson Magrão, porrada do Fábio, etc, etc…

Esse pipoqueiro nos deve uma Libertadores. Eu não o queria aqui nem pintado a ouro, mas se vier, sabe o fardo que carrega junto à torcida. Então, que pague logo essa Libertadores. Só assim terá crédito comigo. E com mais uns 95% da China Azul!!!!!

Imprensa cor-de-rosa atacando

Muito legal acompanhar a preocupação da imprensa cor-de-rosa mineira com o nosso time. Emanuel Carneiro, Heverton Guimarães, Milton Neves (que é um brincalhão, mas é torcedor emplumado), todos secando ao Cruzeiro, ao Leandro Damião…

Já o Estado de Minas – Superesportes não se cansa de insistir em seus textos que existe briga, divergência e outros substantivos assim para a relação entre Gilvan e Marcelo. Falaram essa semana em desentrosamento entre os dois, colocaram caricatura com nuvem negra e o escambau. Só entre os dias 09 e 11 últimos foram quatro textos enfatizando esse tema.

Incrível como eles gostam de tripudiar o Cruzeiro. Deve ser porque o timinho de Vespasiano não rende notícia, né…?

Folga providencial

Agora, dez dias de folga pra galera se recuperar. Para o meia chegar, para todo mundo ser inscrito nos BID’s da vida, para os lesionados voltarem e todo mundo ficar nos cascos. O Cruzeirão só volta a campo no dia 21, um sábado à noite contra o Boa, no Mineirão. Nesse jogo eu creio que os reservas irão a campo pois dia 25, quarta-feira seguinte, o Maior de Minas estará na Bolívia para sua estreia na LA’15.

Bom descanso, guerreiros. Nada de excessos na folia momesca! E vamo que vamo!!!!!

Dá-lhe, Cruzeiro!

Abraços a todos, saudações celestes, fiquem com Deus!
Até a próxima!

por Rogério Lúcio.

(Foto: Alexandre Gusanshe/EMD/A Press

Compartilhe!
  • 8
  •  
  •  
  •  
  •  
    8
    Shares

Deixe sua Opinião