E o Tricolor reinou na Vila

A boa fase continua no Brasileirão. Já são cinco vitórias consecutivas e a vice-liderança. O que antes não acontecia, agora se confirmou pela segunda vez: o triunfo fora de casa. Depois do Avaí, foi a vez do Santos, na Vila Belmiro, a famosa casa de Pelé, Neymar e companhia.

Independente da situação do adversário, que caiu para zona de rebaixamento com a derrota de 3 a 1, é sempre muito dificíl jogar no estádio alvinegro. A última vez foi em 2011 – 1 a 0, gol de Escudero.

Quando o momento é excelente, até jogador que ficou afastado por quase um ano tem uma bela atuação.

O técnico Roger Machado acertou ao reintegrar Edinho, que substituiu Maicon. O volante, inclusive, deu o passe para Yuri Mamute fazer o terceiro. Desde que Roger assumiu, no final de maio, o Tricolor vem jogando um bom futebol.

Nos sentimos mais confiantes com as atuações. Além de boa postura na defesa, o ataque virou trunfo, com Luan e Pedro Rocha infernizando as zagas adversárias.

Nesta quarta-feira, às 19h30, será outra jornada longe de Porto Alegre. O Grêmio encara a Chapecoense, em Santa Catarina. Pelo que tem apresentado até o momento, dá para buscar um outro resultado positivo.

Estamos com os mesmos 23 pontos do Galo Mineiro, que assumiu o topo depois de dar três bicadas no Beira-Rio. O Sport Recife também soma 23. Está tudo embolado. E a gangorra? Segue pendendo só para um lado.

Foto: Ricardo Saibun/Santos FC

Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe sua Opinião