Eliminados da fase final do Paulista. Por quem ?

Domingo com o empate contra a Penapolense e com a derrota do São Paulo sobre o Ituano no Morumbi, o Corinthians foi eliminado precocemente do Paulistão.

Após a goleada para o Santos na vila por 5×1, jogo em que os torcedores e a Mídia criticaram a postura do time e acabou gerando a invasão dos “torcedores” ao CT de Itaquera, eu cheguei a dizer que esse ano seria diferente dos últimos anos gloriosos e que passaríamos outros momentos ruins como esse, devido a reformulação que erroneamente, foi feita durante o campeonato.

A diretoria errou ao apostar em um elenco que já vinha sendo alvo de críticas e de problemas internos.  Acabaram apostando no elenco campeão Mundial e decidiram que com o novo técnico, esses problemas internos estariam acabados.

Todos esses “problemas” justificam a queda precoce no Paulistão? Não. O São Paulo foi o culpado, mesmo que na minha opinião, tenha tirado o pé diante do Ituano? Não. O culpado foi o juiz que não deu o pênalti no Uendel nos minutos finais? Também não.

Em um ano, tivemos 3 gerentes de Marketing, 2 diretores de Futebol ( e a vaga continua em aberto) e diversos problemas ocasionados pela atual diretoria. Algum problema acontece dentro do Parque São Jorge.

Desclassificado de um campeonato Paulista dos mais estranhos dos últimos tempos, sendo que podíamos ficar em 6º na classificação geral e estamos desclassificados uma rodada antes do fim. Mas assinamos o regulamento e agora é tarde para culpar isto também.

Tudo isso mais a invasão dos bandidos ao CT nos levaram a passar pelo o que estamos passando hoje. Agora é repensar tudo para o restante do ano.

Essa é a opinião de um Corinthiano que já viu seu time cair, conquistar o mundo, ser eliminado na primeira fase e se classificar no último segundo.

Mas de uma coisa eu me orgulho: Nunca comemorei um gol contra meu time e jamais irei comemorar.

Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe sua Opinião