Eu, não acredito!

Simples assim e ao mesmo tempo muito dificil de  acreditar no que passamos na noite de hoje. Chegamos ao mineirão com grandeza, como time grande, assim fomos feitos, assim fomos acostumados.

Ao final do primeiro tempo me veio a cabeça: ‘pronto, mais 45min fazendo o que fizemos nos primeiros 45’. E, foi ao falar isso que vi o nosso comandante Luxemburgo, que aos poucos ganhava respeito e credibilidade, fazer as substituições mais absurdas que um técnico pode fazer: querer recuar o time aos 15min do segundo tempo. Tirando os jogadores de velocidade, como Evérton e Nixon, e colocando dois caras que ao menos jogaram nesta temporada.

Élton, mal chegou, teve duas oportunidades mal aproveitas e mais uma hoje. Pronto, acho que você já pode juntar suas coisas e ir embora. Mattheus, você não é jogador de futebol. Moleque, você não consegue jogar tendo a sombra o pai que tem. Portanto, duas opções para você: mude de esporte ou vá jogar em time pequeno, lá você pode ser aceito.

Luxemburgo, o senhor durante a semana falou que conseguimos sair da bagunça do Campeonato Brasileiro e que a Copa do Brasil se tornara prioridade. Só que prioridade exige empenho, raça e tática bem feita. Não posso dizer que faltou raça, por ter um time limitado. Mas a partir do momento que vejo que a pior tática foi escolhida, coloco toda a culpa no senhor. Hoje, a culpa é sua!

 

 

 

Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe sua Opinião