O Menino Mimado!

Bola todo mundo sabe que o Neymar joga e joga muito! Mas é de uma marra insuportável! E na minha opinião não vem de hoje, vem desde a época em que ele vestia a camisa do Santos!

O jogador sempre colecionou belos gols como também grandes confusões!

Todos se lembram da discussão ferrenha com o técnico Dorival Junior, onde o jogador ficou furioso por não bater um pênalti na partida. O caso então culminou com a demissão de Dorival.

Existe uma exaltação e idolatria de um menino mimado!

E como qualquer profissional ele deve saber que irá receber críticas e será cobrado, ainda mais pelo que ele acha que representa, e sua resposta deve vir dentro de campo, como veio nessas olimpíadas.

Pois querer bater boca com torcedor após a conquista da medalha de ouro na olimpíada é fácil, ainda mais batendo na seleção sub 21 da Alemanha! Que na minha opinião era obrigação!

Queria ver ele vir a público quando o time estava em baixa, sofrendo pressão, exercendo a função de capitão! Mas não, ficou em silêncio, passou reto pelos repórteres e vimos que a faixa que ele levava no braço era meramente ilustrativa!

Espero que o Tite retire essa tarja, que naquele braço nada representa!

Renato Augusto, na minha opinião, foi a figura deste capitão que desejamos, pois não fugiu dos questionamentos, estava nas coletivas, deu a tapa a cara e não foi encher o saco de torcedor e fazer ceninha segurado por brutamontes se achando o fodão!

E depois aquele discurso que teremos que engoli-lo! Ridículo!

O engraçado nisso tudo é que muitos que o criticaram, após a medalha conquistada passou a babar ovo como sempre!

Ainda tem pior, tem gente que o coloca na mesma linhagem de Garrincha e Pelé!!! MEU DEUS!!! Menos né gente…muito menos!

O repórter da ESPN, Maurício Barros ainda indagou: “De onde vem esse ranço? Será que é porque ele ganha muito dinheiro? Ou porque ele namorou a Bruna Marquezine? Seriam as tatuagens? Ou porque ele sai de iate nas férias? Ou porque ele tenta dar uns chapéus e umas canetas de vez em quando? Ou talvez pela cor da pele? Por que?”

Amigo Maurício, são as atitudes infantis e a falta de responsabilidade e liderança que faz do Neymar uma pessoa “odiada” por muitos!

Acreditamos sim que ele é diferenciado, mas não tem que ter essa veneração e termos ele como um salvador do futebol brasileiro! Neymar é um craque e só! Erra como todo mundo, mas não deve ser nunca um herói!

Compartilhe!
  • 4
  •  
  •  
  •  
  •  
    4
    Shares

Deixe sua Opinião