Não espere grandes reforços no Morumbi

Abrem-se as cortinas para o futebol brasileiro em 2014. E vamos ao que interessa..

Pouco mais de uma semana para a estreia no Campeonato Paulista, o Tricolor tem Luís Ricardo, ex-lateral da falecida Portuguesa de Desportos, como seu único reforço para a temporada.

Pouco? SIM! Óbvio! Ainda mais após a inédita briga para fugir do rebaixamento, manter o mesmo time/elenco é algo que preocupa (e muito) todos nós.

Porém, essa total desaceleração na busca por reforços possui uma explicação lógica na mente da cúpula tricolor: Qual ambição teremos para o primeiro semestre de 2014? Um desprestigiado Campeonato Paulista? Ponto. Não há nada mais o que almejar até o encerramento da Copa do Mundo, época em que a janela de transferências estará reaberta.

Fora da tão vislumbrada Libertadores, cada vez mais acessível a times medianos, e com a alteração no calendário da Copa do Brasil, que posterga sua fase decisiva para o segundo semestre, teremos apenas o Paulistinha e mais meia dezena de jogos do Campeonato Brasileiro até a próxima janela. Você acredita mesmo que a diretoria queira gastar fortunas com contratações de peso e salários altos durante este período? Eu apostaria que não. Apostaria que teremos no máximo mais 2 ou 3 reforços, nada muito além disso. E o contrário disso, precisamos de zagueiro, volante e atacante titulares. Daqueles que chegam, pegam a camisa e vão pro jogo.

O Paulistinha do ano passado, por exemplo, foi vencido pelo time da Marginal. E quem se lembra disso? O ano deles foi considerado péssimo após a campanha pífia no Brasileiro. Isso não quer dizer que ninguém queira o Paulistinha. Queremos. Todos queremos. Mas não é aquele QUEREMOS de uma Libertadores ou um Brasileiro. Não ganhá-lo não significa o fim do mundo.

Agora, indiscutivelmente, como a maior entidade futebolística do país, a partir do momento que esta camisa está em campo, ela tem que ganhar tudo o que disputar.

…e principalmente clássicos, com os quais estamos em grande débito nos últimos tempos e serão, provavelmente, os grandes momentos que teremos até a Copa do Mundo.

Diretoria, Acorda! Esse elenco possui perfil perdedor e precisa ser reforçado já. Precisamos ganhar todos os clássicos do primeiro semestre para que o resto do ano seja proveitoso.

Caso contrário, não teremos nada saudável a discutir por aqui…

Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe sua Opinião