O fedor que vem da Federação Mineira de Futebol

Esta semana vimos como a federação que rege o futebol em Minas é ardilosa, primeiro julgando no pleno do TJD e aumentando a pena do zagueiro Leo de 2 para 4 jogos de suspensão, tirando desta maneira o nosso zagueirão dos dois jogos das finais. Como já não tem mais vergonha de esconder suas práticas duvidosas os auditores que julgaram Leo foram os mesmos que reduziram a pena do atacante Fred, em 2017, por agressão ao zagueiro Manoel, mostrando assim os famosos dois pesos e duas medidas. Nosso jurídico agiu rápido e conseguiu um efeito suspensivo que garante nosso zagueirão em campo.

Em segundo lugar, após a diretoria Cruzeirense solicitar o árbitro de vídeo, o famoso VAR, nas duas partidas finais contra o time da federação, tal solicitação foi negada sob alegação de que a CBF(outra instituição imunda), havia dado parecer contrário ao uso da tecnologia. Mas estranhamente, há mais uma semana, a mesma CBF, havia autorizado tal dispositivos no GRENAL. Todos sabemos que o atual presidente da FMF está cotado para ser um dos vice-presidentes da confederação nacional a partir das próximas eleições, dito isto deixo que você tire suas próprias conclusões.

Como terceira manifestação de má intenção da mãe do Alt MG foi colocar no sorteio dos árbitros para o primeiro jogo da final e “sorteado” o Sr. Dewson Fernando Freitas da Silva, o mesmo soprador de latinha que não deu aquele pênalti escadaloso do goleiro Cássio, do corinthians, em Ramon Ábila, no BRA-17.

Com todo este circo muito bem armado, a única solução para o nosso Cruzeiro é jogar muito futebol, colocar o time deles na roda e ganhar as duas partidas, mesmo tendo a vantagem de poder jogar por dois empates, ou vitória e derrota pela mesma diferença de gols.

Há algumas semanas escrevi neste espaço que toda forma de beneficiar o time deles já estava preparada, parecia premonição. E podem ter certeza que muita sujeira ainda vem por ai nestes dois domingos que restam ao Campeonato Mineiro.

A fossa da FMF está escancarada e não há perfume no mundo que consiga disfarçar tamanho fedor.

Cruzeiro Esporte Clube, mais uma vez, contra tudo e contra todos!

Cumprimentos celestes a todos.

Por Rosdrigo Miguel
Twitter: @foxbrasil_pro

Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe sua Opinião