Os rebaixamentos do Vasco e dos outros “grandes” times do Rio

Pela regra, o Vasco foi rebaixado, em campo, para a segunda divisão do Campeonato Brasileiro…pela lógica, Flamengo e Fluminense também terminaram a competição de 2015 absolutamente rebaixados em suas gestões do futebol…os resultados e os torcedores atestam a depreciação…ainda podemos citar o Botafogo que, curvado à série B, retorna à chamada elite do esporte nacional em 2016 com a bola na feição de um marcapasso…

…quantos significados para a palavra “rebaixamento”…longe do luxo do gesso, os times precisam da lixa reparadora de gestos dentro e fora do espaço demarcado pela “risca do giz”…não é à toa que o gramado é metaforicamente uma sala de aula…

…o treinador campeão pelo Corinthians esse ano, Tite, exaltou a palavra que nos parece a essência de um trabalho promissor: “disciplina”…esse termo deveria ser tratado pelas gestões como um gol, porque dele derivam outras expressões de placa: “responsabilidade”, “respeito” (especialmente à história e à tradição dos clubes), “austeridade”, “magnitude” e, claro, “conquista” e “sucesso”…

…é preciso reconhecer que a atual gestão do Flamengo trabalhou para recuperar financeiramente a instituição…no entanto, ficou a sensação para o torcedor de que o futebol, coração e alma do “mais querido”, foi rebaixado ao segundo plano…

…rebaixar e repensar…são verbos que provocam vozes e mexem com as virtudes…quem preserva a paixão por essas equipes espera por dores menores e por dias melhores…

Imagem: http://www.webix.com.br/

Compartilhe!
  • 3
  •  
  •  
  •  
  •  
    3
    Shares

Deixe sua Opinião