Quando a ética vira remédio para incompetência

É incrível como o ser humano sempre encontra desculpas para seu fracasso. Quando você chegava à escola e não havia feito seu dever de casa, prontamente já elaborava uma história envolvendo seu cachorro, a empregada que havia jogado no lixo, seu irmão mais novo havia rasgado, uma dor de dente insuportável o impedia de sair da cama… isso quando não ´matava` sua avó como desculpa para sua ineficácia.

No futebol, isso nunca foi diferente. Naquela jogada mal executada, Dagoberto sempre pôs a mão na coxa como se tivesse sentido uma fisgada na hora do chute. Luís Fabiano já esbraveja com o bandeirinha por tê-lo visto em posição irregular. Cuca já apontava o árbitro como total responsável pela derrota, ao inverter faltas ´claras`.

O mais novo chorão devido a sua ineficácia é o Sr. Paulo Nobre. Há quantas semanas que ouvimos notícias da novela sobre a renovação de Alan Kardec? Acredito que ao menos 1 mês. Todo esse tempo para resolver a situação do atual (ex) melhor jogador da Sociedade Esportiva. Após inúmeros vai-e-vens, Paulo Nobre se recusou a assinar um contrato por uma diferença de R$ 20 mil, já acertada com Dir de Futebol, Sr Brunoro.

Ora pois… R$20 mil, Portuguesa? Ops… Palmeiras??
Essa é a verdade! O Palmeiras possui nos últimos vários anos a mentalidade de um time pequeno, em pleno ano de seu centenada. E como desculpa, passam para a torcida a imagem de que Alan Kardec, Barcos, Kleber, Keirrison, são todos mercenários e os outros times são anti-éticos, aliciadores.

É uma ótima forma de ocultar sua incompetência para seus torcedores. Será que todos eles são mercenários ou o Palmeiras é o time mais amador ao lidar com seus ´ídolos`?

E mais: comprar um jogador que “está disponível para ouvir outras propostas” (palavras do pai de Alan Kardec na semana passada) é ser aliciador? É anti-ético? Ok! Vamos, então, acusar Barcelona e PSG de aliciadores anti-éticos por tirarem Neymar e Lucas do Brasil..

É o mercado do futebol, Lusa da Barra Funda!

Por fim, Alan Kardec será uma ótima peça de opção para o ataque Tricolor e ainda coloca uma grande pressão em Luís Fabiano por boas atuações. Bom saber que Ademílson e Osvaldo serão raramente utilizados..

Agora, cadê nossos zagueiros, Ataíde e Aidar?

Compartilhe!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe sua Opinião